spot_img
0,00 BRL

Nenhum produto no carrinho.

InícioAlexandre UbillaO líder e a melhora contínua!

O líder e a melhora contínua!

Se você chegou ao cargo de liderança ou está por chegar, parabéns, você fez por merecer, correto?

Você está pronto para assumir um cargo de liderança?; em quanto tempo você responderia as seguintes perguntas abaixo de maneira clara objetiva?

– Eu sou competente na minha função atual?

– Eu quero de verdade essa nova função?

– Eu posso motivar os outros?

– Estou pronto para supervisionar outras pessoas?

– Posso superar as minhas falhas?

Para que estas perguntas sejam respondidas sabiamente, alguns itens a seguir põem abrir-lhe a mente sobre como liderar com humildade e competência, veja:

 

  1. Trabalhe em equipe, sempre colaborando!
  2. Pense que os problemas são oportunidades
  3. Perceba o problema, depois vá e veja por sí.
  4. Não subestime a inteligência e o conhecimento dos outros
  5. Desqualificar sem motivo.
  6. Subestimar é não levar em conta as potencialidades.
  7. Pense que a melhoria contínua não tem fim
  8. Abandone as ideias fixas
  9. Nunca desista, seja proativo
  10. Evite as desculpas, assuma!
  11. Corrija os erros logo que estes acontecem

 

É preciso ter em mente que liderar não é gerenciar. Lideram-se pessoas e gerenciam-se coisas. Para ser um bom líder é preciso dar para receber, ouvir para ser ouvido, tratar a sua equipe como você gostaria de ser tratado, pois desta forma haverá harmonia no ambiente de trabalho, além de um melhor desempenho de seus colaboradores.

O verdadeiro líder é facilmente reconhecido pela forma como conduz sua equipe, exercendo influência pessoal, motivando-a a ser forte, fazendo-a trabalhar em um objetivo comum, de boa vontade e de bom grado.

Uma característica fundamental de um líder é saber equilibrar o uso do poder e da autoridade, lembrando sempre do lado humano e do bom relacionamento com sua equipe, identificando suas exigências físicas ou psicológicas. O líder não pode se considerar um ser superior perante os seus colaboradores, deve sim, integrar-se à sua equipe tornando-a una, sem divisão de poder.

Não deve fazer uso de seu posto ou cargo para liderar, pois será tido como um líder ditatorial, fazendo uso do poder que possui, causando temor às pessoas, por meio de ameaças e coação. Este líder não sobreviverá com o passar do tempo. Sua equipe o obedecerá por temer a perda de emprego e não por estar feliz e motivada a fazer o que ele ordena, gerando uma insatisfação constante no ambiente de trabalho, o qual deve ser um ambiente seguro, onde as pessoas possam cometer erros sem o medo de receber advertências de forma grosseira. Para conseguir disciplina no ambiente de trabalho, deve existir orientação e treinamento, não punição.

 

Importante saber para melhora contínua de um líder que os liderados só assumem riscos se compartilharem da visão da empresa e, ao mesmo tempo, tiverem líderes que inspiram credibilidade e confiança. Como as empresas tendem a perecer se não gerarem ou adaptarem-se às mudanças, e como  todo processo de mudança envolve riscos, e como as pessoas só se arriscam nas condições citadas,  é imperativo que os fatores credibilidade, confiança e visão compartilhada façam parte dos propósitos do líder eficaz.

 

 

Visite o Site: www.alexandreubilla.com.br I Youtube I Linkedin

Professor I Autor I Palestrante I Doutorando I Escritor

Autor do livro: Gestão e Liderança.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMOS POSTS